1 de dezembro de 2015

Alegria


Não sei como chegou, como partiu e como voltou
Acho que veio do nada, de algum lugar sem dor
Mas sei, senti e vi que passou por aqui
Mas olhei, respirei e sorri por ter ficado aqui
Não peguei nem segurei para falar
Não andei nem gritei para não assustar

Ela é preciosa por ser surpreendente
Muito rara para pessoas carentes
Ela é simples por encantar muita gente
Ela boa por nos fazer sorridente

Meu peito dançou quando ela apareceu
Meus olhos dormiram quando ela me envolveu

Para meus sonhos um momento de cantoria
Para meu corpo, um prazer, uma rebeldia
Para minha vida desejo que ela volte
Volta alegria para nortear meus dias





Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...