20 de janeiro de 2013

Grite

Grite quando quiser gritar...
Nessa era de estilos e tecnologias
Ficar calado só faz mal para
letra nem melodia.
Para quem esqueceu que a vida é louca e descomplicada
Para quem deixou a espontaneidade numa caixa  preta e trancada.
Sempre queremos e exigimos sorrisos, amor, paz e ilusão... 
Parece que viver de aparências é  uma obrigação.
Por isso sem pensar muito, grite e caminhe por opção.

3 comentários:

jair machado rodrigues disse...

Inspirador querida Lorena, isso me lembra lá na minha juventude adolescente, adorava passar em um túnel na capital de meu Estado e me acabar gritando, meio Janov, mas saia com a alma lavada... hoje quase um adulto, não consigo gritar mais daquele jeito e tenho medo de minha alma se clar para sempre e eu voltar para dentro de mim, e nunca mais me libertar.
ps. Meu carinho meu respeito meu abraço e meu grito de libertação.

JP disse...

Podemos gritar....é libertar o nosso profundo sentir!

Beijinho

JP disse...

Por vezes devemos gritar....libertar o mais profundo sentir, que vem de dentro de nós!

Beijinho

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...