8 de agosto de 2012

Certeza de ser feliz *

A morte sasseia a sede da despedida
Ao apelo de uma voz aguda e sombria
No encontro da noite da  partida.
No eterno descanso do último suspiro
O adeus deixa as lembranças  de um velho amigo.
Saudade se torna companheira antiga
Ausência que no coração fica no compasso da batida.
O medo que no tempo se perde
tristeza que a vida esquece
O sofrimento que a lágrima enfraquece
Mas tudo acontece na vida pra fortalece a certeza de ser feliz.

7 comentários:

Aleatoriamente disse...

Que lindo Loren.
Você escreve tão lindo.
Belo poema.

Bjão linda

Mari@ disse...

Eu fico encantada lendo teus poemas e textos!!

Um bom final de semana beijos.

Olhos de mel disse...

Querida Lorena; desculpe a demora em dar retorno, mas estou viajando e tendo dificuldades com a net.
Amei seu blog e seus poemas! Esse é lindo, embora tenha um tom triste.
Bom domingo! Beijos

Olhos de mel disse...

Querida Lorena; desculpe a demora em dar retorno, mas estou viajando e tendo dificuldades com a net.
Amei seu blog e seus poemas! Esse é lindo, embora tenha um tom triste.
Bom domingo! Beijos

Olhos de mel disse...

Querida Lorena; desculpe a demora em dar retorno, mas estou viajando e tendo dificuldades com a net.
Amei seu blog e seus poemas! Esse é lindo, embora tenha um tom triste.
Bom domingo! Beijos

Olhos de mel disse...

Querida Lorena; desculpe a demora em dar retorno, mas estou viajando e tendo dificuldades com a net.
Amei seu blog e seus poemas! Esse é lindo, embora tenha um tom triste.
Bom domingo! Beijos

Cristina Lira disse...

Olá minha amiga linda...

Bom demais passar aqui neste fim de tarde de agosto e sorver tua poesia...
beijos

*.*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...