27 de abril de 2012

FEIURA



Meu pranto de liberdade é acuado pelo medo
sussurros e gritos são o que atormentam meus pesadelos.
A dúvida,a razão são palavras vagas na vida.
Os apelos da morte sofrida
das lágrimas malditas
são as marcas e feridas frias deixadas pela violência sombria em nós.



12 comentários:

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo texto...Espectacular....
Cumprimentos

Renata disse...

Muito obrigada <3

Lorena disse...

Profundo e realista, perfeito o texto!!!! Parabéns!!!!

DianaPereira* disse...

Gosto mesmo muito da Adele e dos Coldplay, são ambos fantásticos :D

Mari@ disse...

Também gostei muito! Parabéns.

sophie disse...

http://www.facebook.com/photo.php?fbid=386985698012676&set=a.386984771346102.92125.264167150294532&type=3&permPage=1

Passei à segunda fase, desta vez ajuda-me a ganhar! Mete gosto e divulga por favor! Muito obrigada:)

Mary disse...

Muito bom, a violência anda cada dia mais dominante.
Bjs

Anônimo disse...

Oi Lorena, Obrigada pela visita no Destino. Teu cantinho tbém é uma graça, adorei a forma como escreve.Parabéns.Bjsss

Everson Russo disse...

As lágrimas sempre devem estar livres pra lavarem a alma, nos confortarem dos momentos menos aceitáveis...beijos de bom sábado pra ti amiga.

Ana Silva disse...

Puro e sincero, lindo mesmo :)

obrigada por teres visitado o meu perfil, continua a escrever assim, maravilhosamente!

Kisses *

Ana S.

Aleatoriamente disse...

Momento pleno para reflexão.Costumo sempre refletir em cima de textos que me chamam atenção.O seu é muito intenso e bonito.

Beijo Loren

Renata disse...

Muito obrigada querida*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...