25 de fevereiro de 2012

Ouvir



Quando ouvi sua voz senti sua aflição
Suas palavras tinham lágrimas, medo e muita emoção
Naquele momento, sentadas no banco você tocou meu coração
Não foi pena ou tristeza que eu vi em seus olhos, foi à solidão transbordando no seu rosto
Quero que segure minha mão e saiba que nunca mais sofrerá sozinha
Pois a dor nos uniu e você é agora minha amiga
Quando estiver sufocada grite por mim
Quando quiser sorrir não se estressa decorei piadas pra ti
Você dividiu comigo algo que era só seu
Quero dividir com você tudo que um dia me pertenceu

Um comentário:

Ananda Gouveia disse...

Lindamente perfeito.
Porque senti que era pra mim?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...